Nenhum produto no carrinho.

  • Home

Artista tenho de te contar isto!

Artista tenho de te contar isto!
Artista, eu sei que não é fácil mostrares o teu trabalho a outras pessoas. Achamos sempre que pode estar melhor, que existem detalhes que precisam de ser trabalhados, que existem outras pessoas artistas melhores que nós.
Mas já chega!
A partir de hoje, podes trabalhar a forma como pensas de ti própria(o). A forma como és demasiado exigente contigo, a forma como falas para ti. Aprende a respeitar o teu crescimento.
não te compares
NÃO TE COMPARES

Sim, é isso mesmo que leste.  É logo o primeiro ponto que precisas de trabalhar. Eu também já me comparei e muito, a outras pessoas artistas e tenho a dizer-te que é uma péssima ideia. Aconselho a não ires por aí. A comparação faz sentir-nos que não somos capazes de chegar onde as outras pessoas chegaram.

O melhor a fazer é Nunca te comparares. Faz isso por ti e pela tua saúde mental!

Quando te deixas de comparar, naturalmente consegues ser tu própria e mostrares o que és de verdade. Cada uma de nós é única e isso não se copia, nem se compara. Tal como o trabalho criativo, não se coloca numa escala de comparação. Somos pessoas diferentes, com experiências e vivências diferentes. Cada uma nós tem uma mensagem para transmitir.

O melhor que te posso dizer é: foca-te em ti e no que queres transmitir com o teu trabalho criativo. Quando permitires que isso aconteça, vais sentir-te livre. Livre de comparações. ❤️

não estás a progredir
EU SEI PORQUE NÃO ESTÁS A PROGREDIR

Eu sei o porquê. Não estás a progredir porque não estás a permitir que isso te aconteça.

Existem alguns pensamentos que não estão a deixar-te avançar e ficas apenas pelas ideias no papel…

1- Pensar demasiado no que as outras pessoas vão achar dos teus trabalhos.

2- Achares que nunca é suficiente e que devias ter feito mais.

3- Medo de errar e o resultado não ser o que estavas à espera.

4- Pensares que é obrigatório ter formação em artes para poderes criar.

5- Achares que as tuas criações nunca são boas e que precisas de melhorar.

Estes pensamentos estão só na tua cabeça. Só tu estás a impedir a ti própria de progredires.

CRIA A TUA PRÓPRIA SORTE

A sorte não bate à nossa porta, nós é que temos de trabalhar para a porta abrir.

Quando alguém tem um projeto com sucesso, temos a tendência em pensar “olha teve mesmo sorte”.

Eu própria já pensei isso. Quem nunca?

Ao longo do tempo, e principalmente desde que comecei a jornada de ser ilustradora, fui percebendo que por trás dessa incrível sorte, está muitoooo trabalho, persistência e consistência. Está uma jornada de empenho que nós não vemos, ou apenas vemos uma parte desse percurso.

A sorte é o resultado de muito erros e de muitas tentativas bem-sucedidas. É o resultado que todas nós queremos: ser bem-sucedidas como artistas e ver o nosso trabalho a ser valorizado.

Já começaste a construir a tua sorte? 🍀

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *